Às vésperas de o ministro Ricardo Lewandowski deixar a presidência da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), o colegiado deve julgar nesta terça-feira, 11, um recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado no âmbito da Operação Lava Jato, que pode colocá-lo em liberdade.

Integrantes do Supremo ouvidos reservadamente pela reportagem acreditam que a sessão pode servir para ministros darem recados ao ex-juiz federal Sérgio Moro e à Operação Lava Jato, depois de o site The Intercept Brasil publicar o conteúdo vazado de supostas mensagens trocadas por Moro e o coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol.

As conversas supostamente mostrariam que Moro teria orientado investigações da Lava Jato por meio de mensagens trocadas no aplicativo Telegram. O site afirmou que recebeu de fonte anônima o material.

O recurso de Lula começou a ser discutido em abril deste ano no plenário virtual do STF, mas um pedido de destaque do ministro Gilmar Mendes no dia 12 do mesmo mês interrompeu o julgamento e fez com que o processo seja discutido agora presencialmente pelos ministros.

O colegiado fará nesta terça-feira sessões pela manhã e pela tarde, as últimas presididas por Lewandowski, que vai deixar o comando da turma, mas seguirá fazendo parte dela. No fim do mês, a ministra Cármen Lúcia - considerada linha dura no julgamento de investigados - vai assumir a presidência da turma e terá o controle do que será examinado nas sessões. A turma não se reunirá na próxima semana em virtude do feriado de Corpus Christi.

Em fevereiro, o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF, negou o pedido de liberdade de Lula, que está preso desde abril do ano passado na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. O julgamento suspenso no plenário virtual da 2ª Turma envolve um recurso de Lula contra essa decisão de Fachin.

A Segunda Turma é composta pelos ministros Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Cármen Lúcia, Edson Fachin e pelo decano do STF, ministro Celso de Mello.

No caso em questão, Lula recorreu ao Supremo depois de o ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ter negado individualmente um recurso do petista contra sua condenação no caso do triplex do Guarujá.

No entanto, a Quinta Turma do STJ - em decisão colegiada e unânime - confirmou em abril deste ano a condenação do ex-presidente por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá (SP), mas reduziu a pena do petista de 12 anos e 1 mês de prisão para 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão.

O pedido de destaque de Gilmar Mendes no plenário virtual do Supremo foi feito antes do julgamento colegiado desse outro recurso de Lula no STJ. Ou seja: existe a possibilidade do recurso de Lula no Supremo ter "perdido o objeto" agora, já que a Quinta Turma do STJ fez ajustes na decisão monocrática de Fischer. Na prática, a decisão monocrática de Fischer, contestada por Lula no Supremo, não existe mais.

Fonte: Estadão Conteúdo


Melhorias: Câmara de Lajedão aprova crédito de R$ 5,5 milhões

Teixeira de Freitas: O prefeito do município de Lajedão/BA, Humberto Carvalho Cortes, o “Betão”, no uso de suas atribuições, encaminhou no

Rui Costa assume pela primeira vez pré-candidatura à Presidência

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), assumiu pela primeira vez que poderá ser pré-candidato à Presidência da República em 2022. Reeleito

Temoteo Brito anuncia asfaltamento de 351 Ruas e convoca os líderes

O anúncio do asfaltamento foi feito durante coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (12) no Gabinete da Prefeitura Municipal de Teixeira

Operação contra sonegação fiscal cumpre mandados em Oeste baiano

Uma operação foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (12) na Bahia em combate à sonegação fiscal. Cerca de 20 mandados de busca e

A NICA DA LIBERDADE 213 Ramiro Guedes

Ramiro Guedes ORWELL E O 1984 Esse escriba relê com  crítica reverência “1984”, de George Orwell. Feito para denunciar regimes comunistas

Funcionários dos Correios entram em greve por tempo indeterminado

Os trabalhadores dos Correios de todo o Brasil decidiram entrar em greve por tempo indeterminado na noite desta terça-feira, 10. A decisão

Empresário do sul do país com interesse em investir em Teixeira é

Teixeira de Freitas: Nesta terça-feira (10) um dos proprietários da Indústria de Móveis Madesa, Carlos Cini, foi recepcionado no Aeroporto de

Polo Industrial de Teixeira tem última etapa da iluminação

Teixeira de Freitas: Nesta semana o Pólo Industrial e de Logística de Teixeira de Freitas teve mais uma importante etapa finalizada. A Prefeitura

Wagner detona Lava Jato após mensagens sobre Lula: 'Lama Jato'

O senador Jaques Wagner (PT) detonou a operação Lava Jato após reportagem do jornal Folha de São Paulo sobre conversas que põem em xeque tese

Cirurgia de Bolsonaro corre bem, diz equipe do presidente

A cirurgia do presidente Jair Bolsonaro na manhã deste domingo, 8, corre de forma tranquila no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. A

Teixeirão 25 Anos
Policia
Nossos Apoiadores: